sábado, janeiro 25

Nunca como agora me magoou tanto ver filmes românticos. Nunca como agora senti que necessito tanto de um amor assim. Tenho tanto para dar. Tenho tanto para sentir. Tanto para crescer. Quero sentir de novo as borboletas na barriga . Quero ser aquela que vê de novo o lado bom de tudo o que parece mau. E necessito disso. Preciso de voltar a amar. Preciso de me sentir a pessoa que sou quando amo. Tenho saudades do pequeno sorriso que antes tinha sempre na cara. Tenho saudades de sentir o meu coração grande de mais para o meu pequeno corpo. Tenho saudades ! E necessito disso. Para poder esquecer de vez o passado. Para poder prosseguir na minha vida. Não apenas bem mas feliz. Preciso de olhar para a natureza e lembrar-me de alguém. E quero. Quero que os pequenos momentos da vida voltem a fazer sentido como antes. E quero. Quero ser um eu com mais amor. 

2 comentários:

Inês disse...

Gostei muito e identifiquei-me bastante. Sinto o mesmo.

ann disse...

Olá querida! Propus-te para um desafio no meu blog! Se aceitares avisa-me, para poder acompanhar. xx, ann